Pielonefrite


Pielonefrite

Infecção do aparelho urinário, geralmente provocada por bactéria mais raramente por vírus e fungos, podendo atingir um ou ambos os rins na forma aguda ou crônica. A pielonefrite é causada pelas bactérias gram-negativas que são flora normal no intestino. Fatores de Risco: A Escherichia coli, Enterobacter, Proteus, Klebsiella causam as infecções do trato urinário: - nos bebes que utilizam fraudas, - indivíduos com malformação congênita do sistema urinário, - portadores de imunodeficiências, - nos homens após os 70 anos devido ao aumento da próstata e mais freqüentemente em mulheres a partir dos 50 anos. As infecções severas ou recorrentes podem causar dano permanente aos rins e ocasionar doença renal crônica, em alguns casos pode se espalhar para a corrente sanguínea ocasionando a sepscemia. Também pode ocorrer a Insuficiência Renal Aguda quando os rins param de funcionar temporariamente.

Sinais e Sintomas: - Podem surgir de forma progressiva ou repentina. - Dor nas costas, no lado ou na virilha. - Necessidade de urinar urgente e freqüente, mesmo à noite. - Urinar muitas vezes, mas pouco de cada vez. - Urina concentrada e escura com odor forte. - Sensação de mal-estar e calafrios. - Ardência ao urinar. - Febre. - Náusea e vômito. - Pus e sangue na urina.

O diagnóstico é realizado pelo médico após o histórico dos sintomas e através de exame de urina, urocultura e antibiograma. Pode ser necessário ainda o uso da ecografia abdominal, urografia, tomografia para observar se há cálculos renais, malformações e dilatação. SAIBA MAIS: - Beba 2 litros de água ao dia. - Geralmente a bactéria entra pelos genitais e desloca-se até à bexiga, progredindo pelos ureteres até os rins. - Em casos raros a infecção pode ser proveniente de qualquer parte do corpo e passar para o rim através da corrente sanguínea. - Nas crianças os sintomas são suaves dificultando o reconhecimento por parte dos pais. - O antibiótico cura a doença, mas não previne novos episódios. - Após um mês de ter acabado o tratamento, deve ser repetido o exame à urina para verificar a eficácia da antibiótico terapia. - Se a infecção for provocada por alguma obstrução ou malformação pode ser necessária intervenção cirúrgica para eliminar a causa. - Na pielonefrite crônica a febre pode ser intermitente ou ausente. - A pielonefrite crônica pode provocar hipertensão, síndrome nefrótica e insuficiência renal com necessidade de diálise. - As causas mais comuns são infecções de bexiga, uso de cateter para drenar urina da bexiga. - Uso de cistoscópio para exame da bexiga e uretra, cirurgia no trato urinário, aumento da próstata e pedras nos rins.

Sempre que suspeitar de alguma alteração consulte o médico, neste caso o nefrologista ou urologista.

#Pielonefrite #drLeokahn

20 visualizações

Visto em

    Gostou da leitura? Compartilhe agora e me ajude a proporcionar informações e orientações aos meus leitores :