Hernia Abdominal


Hernia Abdominal

É a protrusão anormal de uma estrutura do organismo que se exterioriza através de um ponto fraco natural ou adquirido podendo ser dividida em internas e externas. As hérnias abdominais são as mais comuns em nosso organismo e se manifestam como abaulamentos na parede abdominal, constituída geralmente por alças intestinais do intestino delgado que é muito mais móvel do que o intestino grosso. As hérnias externas são: - A Umbilical que aparece através do umbigo, aonde não existe proteção muscular como no restante da parede abdominal, ele se mantém fechado por uma fibrose constituída por tecido cicatricial. - Na Inguinal há uma protrusão do conteúdo abdominal (intestinos e gorduras) para o saco herniário que se situa logo abaixo da pele, sendo que no homem pode ocupar também o espaço na bolsa escrotal. - As Incisionais surgem quando há cicatrização deficiente da ferida operatória em cirurgias abdominais. As hérnias abdominais internas mais comuns são a hiatal (hérnia do estômago), diafragmáticas e hérnias que se formam dentro do abdome após cirurgias, existe ainda a hérnia congênita decorrente de má-rotação intestinal ainda no período embrionário que é extremamente rara.

Sinais e Sintomas: - Nas hérnias internas a esofagite, dor e dificuldade para engolir. - Nas externas a dor pode ser aguda, tipo queimação ou contínua piorando no final do dia. Se continuar forte e contínua no local da hérnia com aumento do volume e vermelhidão local, pode ser um sinal de que a hérnia está encarcerada ou estrangulada.

O diagnóstico das hérnias externas é realizado pelo próprio paciente, geralmente este refere um aumento de volume que é percebido quando o mesmo permanece em pé ou quando faz esforço com o abdômen. Enquanto que nas hérnias internas hiatais pode ser realizado tanto pela endoscopia como pelo Rx de esôfago + estômago, nas diafragmáticas pelo Rx de Tórax e nas pós-cirúrgicas através de nova cirurgia.

SAIBA MAIS: - O mecanismo pelo qual a hérnia surge não é bem compreendido. - Nas hérnias externas existem complicações como o encarceramento e em estágio mais avançado o estrangulamento. - No estrangulamento ocorre diminuição da circulação sanguínea levando morte do órgão herniado, um quadro extremamente grave e fatal. - Outra seria obstrução intestinal, sangramento, escoriações da pele e celulites. - A margem do orifício por onde sai à hérnia denomina-se anel herniário. - Normalmente é fácil reintroduzir o conteúdo da hérnia externa para dentro do abdômen, a manobra chamada de redução. - A torção quando provoca obstrução intestinal, se caracteriza por cólicas abdominais e paradas da eliminação de gases e fezes. - A hérnia inguinal acomete cerca de 15% das pessoas, sendo muito mais freqüente no sexo masculino. É mais freqüente em trabalhador braçal, pessoas com constipação intestinal crônica, obesidade, tabagismo, doenças da próstata, do pulmão, coração ou fígado. Se você apresentar sintomas procure imediatamente o seu médico.

#HerniaAbdominal #drLeokahn

48 visualizações

Visto em

    Gostou da leitura? Compartilhe agora e me ajude a proporcionar informações e orientações aos meus leitores :