Alimentos osteológicos


Alimentos osteológicos

Fazem parte dos alimentos nutracêuticos responsáveis pela saúde dos ossos e dentes, sendo responsáveis pelas necessidades diárias de cálcio, fósforo, magnésio, acido fólico, vitamina D e K. A inulina, substância mais importante para a correta absorção do cálcio, essa fibra solúvel vegetal embora não seja absorvida pelo intestino, auxilia a nutrição das bactérias benéficas existentes em nosso organismo, atuando no fortalecimento do sistema imunológico e promovendo a solubilidade do cálcio no intestino.

Outros benefícios: -Efeito pré-biótico nos adultos - Auxilia o equilíbrio do aparelho digestivo - O consumo regular estimula o aumento de 5 a 10 vezes das bifidobactérias intestinais - Reduz o nível de organismos prejudiciais no trato digestivo - Atua no pH geral do sistema digestivo - O decréscimo do pH no cólon demonstrou facilitar uma maior absorção de cálcio e magnésio - Atua no reforço das defesas naturais do organismo - Melhora a saúde óssea - Conforme o envelhecimento os níveis de bactérias benéficas no intestino tendem a diminuir, aumentando o risco de osteoporose nos idosos. - Ajuda na melhora da absorção mineral e tem um impacto sobre o fortalecimento dos ossos em mulheres pós-menopausa.

SAIBA MAIS: - Evite a combinação com alimentos ricos em fibras. - Embora benéficas para o intestino e para o coração, elas prejudicam a absorção de cálcio. - A cafeína também pode atrapalhar. - Não ultrapasse o limite de cinco xícaras de café por dia. - Outro inimigo do cálcio é o excesso de proteína, que contribui para o aumento da excreção do mineral. - O cálcio é importante na coagulação e contração muscular. - Vitamina D também é fundamental. - Necessário tomar 15 minutos de sol ao dia.

Necessidades de cálcio diárias: - Nascimento até 6 meses (o aleitamento materno é suficiente) – 0,4 g - 6 a 12 meses – 0,6 g - 1 a 5 anos – 0,8 g - 6 a 10 anos – 0,8 g a 1,2 g - 11 a 24 anos – 0,2 g a 1,0 g - 25 a 50 anos – 1,0 g - Acima de 65 anos – 1,5 g - Gestantes e mulheres que amamentam – 1,2 g

Alguns alimentos osteológicos: - Acelga - Amêndoas - Brócolis - Couve - Folhas de beterraba - Folhas de mostarda - Folhas de nabo - Tofu - Leite e derivados - Salmão - Sardinhas - Laranjas - Semente de gergelim - Salsa - Rúcula - Semente de linhaça - Leite de soja - Manjericão - Feijão carioca - Espinafre - Caruru - Ameixa seca - Ovo

#Alimentososteológicos #drLeoKahn

8 visualizações

Visto em

    Gostou da leitura? Compartilhe agora e me ajude a proporcionar informações e orientações aos meus leitores :