Insolação


Insolação

Fator externo que acomete um indivíduo quando é exposto a um ambiente de calor intenso e seco, geralmente em excesso de sol, causando distúrbios no controle de temperatura do corpo. O sistema de transpiração regula a temperatura corporal, porém em algumas circunstâncias não é suficiente, fazendo com que suba rapidamente, atingindo até 41 graus em poucos minutos, podendo até danificar o cérebro e outros órgãos vitais e levar a morte. Quando a umidade está alta o suor não evapora rapidamente, impedindo que o corpo libere calor mais rapidamente. O mormaço costuma ser até mais perigoso do que o céu claro, quando o tempo está nublado, o nível de radiação solar chega a 70% do dia com céu aberto, o que é suficiente para causar danos à pele. O uso de guarda-sol não protege contra a radiação, mesmo não estando diretamente expostas ao sol, é possível que elas sofram de intermação. Isso acontece porque a areia reflete os raios solares, o que acaba elevando a temperatura do corpo pelo calor e não exatamente pela exposição ao sol, com sintomas idênticos aos da insolação. Outras causas que podem levar a intermação são: excesso de atividade física em ambiente quente e úmido; exposição solar prolongada utilizando roupas inadequadas entre outras. A Hipertermia maligna é uma síndrome miopática hipermetabólica induzida por estresse ou agentes químicos que também se manifesta por aumento súbito da temperatura corporal, contrações musculares, acidose metabólica e arritmias ventriculares, podendo ocorrer durante indução anestésica.

Fatores de risco: - Crianças de 0 a 4 anos, - Idosos, - Obesidade, - Febre, - Desidratação, - Cardiopatias, - Doenças Circulatórias, - Queimaduras, - Abuso de álcool, - Algumas medicações.

Sinais e Sintomas: - Temperatura elevada, - Pele avermelhada, quente e seca, - Taquicardia, - Cefaleia latejante, - Tontura, - Náusea, - Confusão mental, - Perda da consciência.

O diagnóstico é feito pelo médico através do histórico do paciente, do exame clínico e de alguns exames laboratoriais.

SAIBA MAIS: - Evite o sol direto entre 10 e 16 horas. - Não faça exercícios físicos sob o sol neste horário. - Beba líquidos, principalmente água e sucos naturais, para se hidratar. - Utilize roupas leves, de algodão e cores claras. - Use óculos escuros para proteger os olhos. - Borrife água fria pelo corpo. - Evite bebidas alcoólicas. - Consuma frutas e verduras. - Tome banho de água fria. - Utilize toalhas molhadas em água fria, para diminuir a temperatura corporal. Principalmente na face, pescoço, axilas e virilhas. - Use hidratantes corporais. - Fique em lugares frescos, arejados e à sombra. - De preferência um lugar com ar condicionado frio ou sob o fluxo de um ventilador. - Se o caso for grave e a pessoa estiver inconsciente, deite-a com a cabeça de lado para evitar que ela aspire possíveis vômitos. Procure um médico.

#Insolação #drLeokahn

8 visualizações

Visto em

    Gostou da leitura? Compartilhe agora e me ajude a proporcionar informações e orientações aos meus leitores :