Cefaleia - Dores de Cabeça afetam boa parte dos Brasileiros


CEFALEIA

Acredita-se que a cefaleia ocorra espontaneamente ou por fatores externos em áreas específicas do cérebro com envolvimento de vias nervosas e substâncias químicas que, quando liberadas, provocam a dor. Também há componentes genéticos, pois comumente encontramos dentro de uma mesma família vários indivíduos com essa doença disfuncional. É importante diferenciar a enxaqueca de outras formas de dor de cabeça que são sintomas de outras doenças como sinusites, hipertensão, dor pós-trauma craniano e tumores. Dores de cabeça atrapalham o dia de uma grande parte dos brasileiros; geralmente atingem 16% das mulheres e 6% dos homens. Cerca de 80% dos pacientes têm cefaléias em um único local, a região fronto-temporal.

Sinais e Sintomas: - Há pessoas que sentem que vão ter uma crise de enxaqueca antes de a dor aparecer, através de “avisos” que o organismo pode fornecer, um dia ou algumas horas antes, com sensações do tipo: - Desconforto na cabeça; - Bocejos frequentes;

- Irritabilidade; - Perda da capacidade de concentração ou raciocínio; - Diarreia; - Desejo exagerado por algum tipo de alimento ou aversão total; - Desconforto abdominal; - Palidez (muito frequente em crianças); - Muitas apresentam alterações visuais (visão embaçadas, flash luminoso, perda parcial da visão); são classificadas como crises que podem durar cerca de 30 minutos, e logo após desencadeiam a enxaqueca. - Algumas pessoas com cefaleia tensional apresentam também: Tensão ou desconforto no pescoço ou mandíbula; Tensão muscular em nuca, ombros, costas; Dificuldade para dormir; Fadiga; Cansaço; Redução do apetite; Dificuldade de concentração.

Diagnostico: Dor pulsátil ou latejante, geralmente incapacita o paciente para as suas atividades normais, que piora com esforços ou atividades físicas e se inicia leve e progressiva. Dura em média de 4 a 72 horas quando não é tratada ou o é de forma ineficaz e geralmente termina de forma gradual. Evite bebida alcoólica, cheiros fortes, exposição solar, estresse emocional, esforço físico em excesso.

Algumas pessoas com cefaleia tensional apresentam também: Tensão ou desconforto no pescoço ou mandíbula; Tensão muscular em nuca, ombros, costas; Dificuldade para dormir; Fadiga; Cansaço; Redução do apetite; Dificuldade de concentração.

SAIBA MAIS: - Não existe consenso quanto à causa exata da enxaqueca. Sabe-se que ela ocorre devido à disfunção, episódica, na liberação de substâncias químicas inibitórias da sensação de dor, como a betaendorfina e a serotonina. Essas substâncias existem para que não sintamos dores desnecessárias, como por exemplo, ao roçar a roupa no corpo. A dor da enxaqueca pode ser muito forte, chegando a impossibilitar o paciente de fazer atividades rotineiras. Muitos têm de ficar isolados em local silencioso, com pouca luz. Vários pacientes relatam que antes da crise de enxaqueca sentem alteração no seu estado emocional, sentindo depressão ou ansiedade, outros pacientes relatam vontade de comer doces em período anterior à crise. Diferentemente das enxaquecas, a cefaleia tensional não é acompanhada por alterações da visão (pontos brilhantes ou escuros), náusea ou vômito. Mas pode haver aumento da sensibilidade a sons ou luz. Em estudos, os pacientes descreveram a cefaleia como moderada a severa. Somente 55% disseram que a dor era agravada por atividades físicas rotineiras. - Náusea ocorreu em 91%, foto e fonofobia em 77% e vômitos em 50%. - Evite bebida alcoólica, cheiros fortes, exposição solar, estresse emocional, esforço físico em excesso. - Alguns alimentos que acentuam as crises e as freqüências da enxaqueca: café, chá mate e preto, refrigerantes (tipo cola), chocolate, aspartame, carnes defumadas, enlatados, embutidos, amendoim, queijos amarelos, manteiga, bebida achocolatada, azeitonas, ervilhas, picles, vagem, figo, passas, nozes, mamão, alimentos industrializados com glutamato monossódico, sorvetes, bolos e bolachas de chocolate, pizzas e macarrão com molhos de queijo e estrogonofe.

Procure um médico clínico geral ou neurologista para a realização do diagnóstico correto e tratamento.

#Cefaleia #dordecabeça #enxaqueca #drLeoKahn

40 visualizações

Visto em

    Gostou da leitura? Compartilhe agora e me ajude a proporcionar informações e orientações aos meus leitores :